domingo, 11 de maio de 2014

Estudar & Organizar - p. 52 9º ano

1.      Por que na Alemanha, na Itália e na Espanha o discurso fascista conseguiu atrair tantas pessoas de diferentes classes sociais?  Porque as populações desses países passavam por situações de crise econômica, social e política: desemprego, inflação (no caso da Alemanha); ameaças de avanço comunista e socialista (na Itália e na Espanha). O discurso nacionalista e anticomunista de líderes como Hitler, Mussolini, e Franco conseguiu sensibilizar de diferentes classes sociais para o projeto patriótico e guerreiro
2.      Desenhe uma linha do tempo em seu caderno contendo a ascensão dos regimes totalitários estudados neste capítulo, tendo como datas limite o final da Primeira Guerra Mundial e o final da Guerra Civil Espanhola. Destaque os principais fatos ocorridos durante esse período. Fatos que devem ser destacados:
·        1918: Queda da monarquia e fundação da República de Weimar na Alemanha.
·        1919: Tratado de Versalhes; formação do fascismo italiano; criação do Partido dos Trabalhadores Alemães. Mais tarde partido Nazista.
·        1922: Marcha sobre Roma; início do governo de Mussolini na Itália.
·        1924: Hitler, líder nazista escreve o livro Mein Kanpf, apresentando sua ideologia.
·        1925: Mussolini estabelece a ditadura fascista na Itália.
·        1927: Assinada a carta Del Lavoro (legislação trabalhista italiana).
·        1931: Fim da monarquia na Espanha; ascensão ao poder de republicanos e socialistas.
·        1933: Hitler se torna líder da Alemanha.
·        1935: Tropas italianas invadem a Abissínia.
·        1936: Chega ao poder da Espanha um grupo formado por republicanos, socialistas, anarquistas e comunistas. Essas aliança era conhecida como Frente Popular.
·        Insatisfeitos com o governo da república espanhola, os grupos de direita reagem com uma insurreição militar comandada pelo general Francisco Franco. Começa a Guerra Civil Espanhola (1936 – 1939).
3.      Escreva um texto mostrando as semelhanças e as diferenças entre o Estado nazista na Alemanha, o Estado fascista na Itália e o estado soviético sob o governo de Stalin.  Entre os regimes italiano e alemão, a estrutura fascista é muito parecida, sendo o primeiro uma referência para o surgimento do segundo. Todavia, o nazismo representou um grau mais exacerbado de concentração do poder do que o fascismo na Itália. Assim, para alguns cientistas políticos o regime alemão foi totalitário e o italiano, não. Há também o aspecto racista da doutrina nazista, o que não era declarado no fascismo italiano, além dos campos de concentração e extermínio, típicos da Alemanha nazista. Se compararmos os dois ao regime stalinistas, temos uma grande distinção ideológica: os primeiros são fascistas e o último socialista. Contudo, o regime stalinista adotou práticas repressivas idênticas ao nazismo na perseguição de seus opositores e promoveu a institucionalização da propaganda política como forte instrumento de manipulação das massas, podendo ser entendido também como um regime totalitário.
4.      O que foi a República de Weimar?  A República alemã foi fundada no final da Primeira guerra. correspondeu a um período de profunda tensão, pois a Alemanha atravessava uma grave crise econômica e política. Parte da população vivia na miséria, criando-se assim um ambiente propício para o aparecimento de ideias políticas radicais, tanto de direita quanto de equerda.


Nenhum comentário:

Postar um comentário