terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Atividades – 6º ano p. 22


Organizar o conhecimento
1.      Monte em seu caderno uma ficha sobre fontes históricas utilizando as informações a seguir.
a.      O que é fonte histórica. Vestígio do passado que constitui o objeto de pesquisa do historiador.
b.      Cite exemplos de fonte históricas. Cartas, depoimentos, utensílios domésticos, pinturas, sepulturas ...
c.      Por que no passado as fontes históricas escritas eram as mais aceitas. Porque se valorizavam a cultura letrada das elites e os documentos oficiais do Estado.
d.      O que mudou nessa concepção. Os historiadores não acreditam mais em verdades absolutas, contidas nos textos escritos. Além disso, outras fontes históricas são importantes para produzir o conhecimento histórico.
e.      Indique algumas fontes históricas que, no futuro poderão ser usadas para estudar a história da sua família. Álbuns de família, fitas de vídeo, cartas, diários, memórias dos mais v elhos.

2.      O trecho a seguir escrito pelo historiador italiano Carlo Ginzburg. Leia-o atentamente e responda às questões.

“No passado, podiam-se acusar o historiador de querer conhecer somente as ‘gestas dos reis’. Hoje, é claro, mão é mais assim. Cada vez mais se interessam pelo que seus predecessores haviam ocultado, deixado de lado ou simplesmente ignorado. [...]

A escassez de testemunho sobre o comportamento e as atitudes das classes subalternas do passado é com certeza o primeiro – mas não o único – obstáculo contra o qual as pesquisas históricas do gênero se chocam. Porém, é uma regra que admite exceções.”

Projeto Araribá p. 22 3ª edição.
a.      Qual é a principal dificuldade encontrada pelos historiadores para estudar as chamadas classes subalternas? A principal dificuldade encontrada pelos historiadores para estudar as classe subalternas é a escassez de testemunhos históricos que tratam desses personagens.
b.      Relacione o texto de Carlo Ginzburg ao aparecimento de estudos que privilegiam personagens históricas antes esquecidas, como as mulheres e os operários? No século XIX, os documentos escritos, especialmente de caráter oficial, eram os únicos admitidos pelos historiadores como fontes de pesquisa. Com esse critério, as camadas subalternas, ficavam excluídas da história , ou então eram estudadas unicamente sob o ponto de vista de outras classes. Com a transformação da ideia de fonte histórica ocorrida no século XX, outros materiais foram submetidos à análise pelo historiador, possibilitando o estudo da vida de pessoas comuns. Ao mesmo tempo, ao analisar diferentes fontes históricas e a ação de diferentes personagens, foi possível também recuperar a visão de cada grupo determinados processos históricos, e não apenas a visão das elites ou daqueles que escreviam os documentos. O texto de Carlos Ginzburg pertence a essa nova abordagem histórica relatada na p. 14, pois defende a inclusão do ponto de vista das classes subalternas entre os objetivosde estudo do historiador.

3.      Observe o gráfico abaixo e responda as questões

a.      Qual a medida de tempo usada no gráfico? O gráfico mede o tempo em anos segundo o calendário cristão, começando em 2003 e terminando em 2010.
b.      O que se pode concluir, com base nesse gráfico, sobre o salário de homens e mulheres nas regiões do Brasil pesquisadas? O gráfico nos mostra que houve um aumento expressivo do rendimentos de homens entre 2003 e 2010. Porém, ele também nos permite constatar que as mulheres recebem menos que os homens e que essa diferença continuou ao longo do período medido.
c.      Que estudo um historiador poderia realizar utilizando esse gráfico como fonte histórica? O historiador do século XXI pode utilizar o gráfico para saber as condições de vida da população brasileira durante a primeira década de nosso século. Ele pode comparar a quantia que um trabalhador recebia em média e o preço dos produtos básicos. Ele também pode conhecer a maneira pela a qual a sociedade brasileira avalia o trabalho feminino e como as formas de preconceito se expressam em diferenças monetárias.

18 comentários:

  1. Gostei muito dessas explicações,mas,sinceramente,eu não coloquei as respostas completas,pois,são muito grandes então eu resumi,claro,de uma forma visível e com base no que foi pedido! :) amei!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigada professora a minha professora passou essa mesma atividade ai olhei por aqui kkkk

      Excluir
  2. muitissimo obrigada prof rosangela esta me ajudando muito valeu

    ResponderExcluir
  3. Valeuu ae ajudou mtt

    ResponderExcluir
  4. nao gostei pq vc ta ensinando as criancas pegar a resposta e nao pensar

    ResponderExcluir
  5. adorei....muito obrigado <3

    ResponderExcluir
  6. Amei,essa matéria me ajudou muito no meu de desenvolvimento como aluna

    ResponderExcluir
  7. Muito obrigada me ensinou muito!

    ResponderExcluir
  8. Ótimo Eu Resumi Porque As Respostas Eram Muito Extensas Do Jeito Que Entendesse As Pessoas

    ResponderExcluir
  9. Ajudou pena que naao tinha a 5 que era a mais importante
    Vendo em 2016

    ResponderExcluir
  10. Ajudou bastante,para fazer meu trabalho. Obrigado!

    ResponderExcluir