terça-feira, 23 de novembro de 2010

6º ano P. 216 questões 1, 4 e 5

1- Em seu caderno, faça uma ficha sobre a crise do Império Romano. Siga o roteiro.
a- Quando começou a crise: Por volta do século III
b- Principais sinais da crise:
Esvaziamento das cidades
Crescimento da migração para as áreas rurais.
Expansão da Fome e epidemias
Desenvolvimento de novas formas de trabalho - colonato
c- Fatores internos da crise:
Diminuição das conquistas
Redução do número de escravos
Queda da atividade econômica
Desorganização política
d- Fatores externos da crise:
As invasões germânicas que destruíram o império
e- Medida do governo para conter a crise:
Elevação de impostos
f- Resultado da crise:
Esfalecimento do império do Ocidente até a sua queda definitiva em 476.

4- Estabeleça a diferença entre Edito de Milão e Edito de Teodósio.
Edito de Milão: Concedeu liberdade de culto aos cristãos - 313 - Imperador Constantino.
Edito de Teodósio: Tornou o cristianismo religião oficial do império - 380 - Imperador Teodósio.

5- Em seu caderno, explique as expressões.
a- Ruralização: processo ocorrido no Império Romano, a partir do século III, que se caracterizou pelo esvaziamento das cidades e pelo deslocamento de pessoas em direção ao campo.
b- Código Justiniano: Obra sistematizada pelo Imperador Bizantino Justiniano que reunia e  atualizava as principais leis romanas.
c- Questão Iconoclasta:Disputa religiosa que dividiu o Império Bizantino entre partidário e contrários ao culto das imagens sagradas
d-Cisma do Oriente: Separação definitiva entre a igreja do ocidente, fiel ao papa de Roma e a igreja do Oriente, que tinha como líder máximo o patriarca de Constantinopla.
e-Servo:Trabalhador preso à terra, dependente do senhor e sujeito a uma série de obrigações.

3 comentários:

  1. muito obrigado por tudo e coninue com suas perguntas e respostas !!!!

    ResponderExcluir
  2. aaaaaaaaaaaaaaddddddddddooooooorrrrreeeeeeeeeeeeiiiiiiiiiiiii

    ResponderExcluir
  3. adorei parabéns prof rosangela leite

    ResponderExcluir